Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

Tufão Nanmadol atinge sudoeste do Japão e deixa mais de 200 mil residências sem energia

Publicado

dia:

Tufão Nanmadol atinge sudoeste do Japão e deixa mais de 200 mil residências sem energia

Autoridades recomendaram que mais de 7 milhões de pessoas procurem abrigos resistentes

EFE/EPA/JIJI PRESS JAPAN OUT EDITORIAL USE ONLY/

Tufão Nanmadol atingiu, neste domingo, 18, o sudoeste do Japão

O tufão Nanmadol atingiu, neste domingo, 18, o sudoeste do Japão e deixou mais de 200 mil residências sem energia elétrica. As autoridades locais recomendaram que mais de 7 milhões de pessoas procurem abrigo devido a previsão de rajadas de vento e chuvas torrenciais. A Agência Meteorológica do Japão (JMA) informou que o olho do tufão chegou próximo de Kagoshima às 19 horas (7 horas de Brasília). Na ocasião, os ventos atingiram 235 quilômetros por hora e o fenômeno natural teria provocada 500 milímetros de chuva em partes da ilha de Kyushu. No sábado, 17, a JMA emitiu um alerta especial diante da chegada no domingo do tufão Nanmadol, descrito como uma tempestade “sem precedentes” no país, à ilha de Kyushu. É a primeira vez que a JMA ativa um alerta deste tipo para uma das quatro principais ilhas do arquipélago. Ryuta Kurora, diretor de previsões da agência, advertiu que o Nanmadol se intensificou desde sexta-feira,16, e que é um tufão “perigoso como nunca vimos antes”. A JMA espera que a tempestade traga quantidades recordes de chuva para a província, onde o alerta mais alto de chuva foi ativado, e outras províncias em Kysuhu e no oeste do Japão, onde alertas vermelho e amarelo estão em vigor. Supermercados e operadores ferroviários anunciaram suspensão total ou parcial dos serviços antes da chegada. Os especialistas também não descartaram uma mudança de rumo, o que faria com que o tufão passasse sobre a ilha de Honshu, a principal do país.

 

Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS