Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

Tentativas de ataques hackers dobram no 1º semestre, diz levantamento

Publicado

dia:

Tentativas de ataques hackers dobram no 1º semestre, diz levantamento

O Estado do Rio de Janeiro foi o principal alvo dos ataques no Brasil, concentrando 36% dos casos citados no relatório

Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

No primeiro semestre desse ano, o Brasil registrou 31 bilhões de tentativas de ataques

De acordo com a pesquisa NSFOCUS Global Threat Hunting System, tentativas de ataques hackers em territórios brasileiros cresceram 94% no primeiro semestre desse ano. Chamados de DDOs, os ataques derrubam o sistema da empresa para permitirem outros ataques. Os alvos são sites governamentais, agências de notícias, instituições educacionais e operadoras de comunicação. O Brasil registrou no primeiro semestre desse ano 31 bilhões de tentativas de ataques. No primeiro semestre de 2021, foram 16 bilhões de registros. Segundo Gabriel Paiva, CEO da Dfense, integradora de segurança, a maioria das vítimas pertence às operadoras de fibra óptica. “Esse ataque é muito comum, geralmente vem junto com esses ataques DDOS como distração. Metade dos ataques DDOS, de modo geral, são distrações para outros ataques mais críticos, com mais impacto no ambiente”, afirma.

Os ataques estão se intensificando e os métodos de ataque estão se tornando cada vez mais sofisticado. Normalmente, a distribuição geográfica dos ataques está relacionada com o nível das regiões econômica do Brasil. O Rio de Janeiro responde por 36% dos ataques, sendo a área mais concentrada dos hackers. Para Paiva, os riscos estão diretamente associados às eleições de 2022. “A gente consegue ver isso não só no momento de eleição, mas já em outros anos esse aumento. É muito comum em eleição ter esse aumento a mais, mas já estamos vendo esse crescimento de ataques cibernéticos há algum tempo”, finalizou o CEO.

Confira a reportagem na íntegra:

*Com informações do repórter Victor Moraes

#grajaunews @grajaunews

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE