Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

Saúde: Cajamar recebe prêmio pela redução da transmissão de sífilis congênita

Publicado

dia:

Saúde: Cajamar recebe prêmio pela redução da transmissão de sífilis congênita


O evento levanta discussões sobre os desafios no enfrentamento da sífilis congênita como um problema de saúde pública no estado / Divulgação

A Secretaria de Saúde de Cajamar recebeu o “Prêmio Luiza Matida” no último dia 5 de dezembro, no Centro de Convenções Ibirapuera – HSPE, durante a 7ª Semana Paulista de Mobilização Contra a Sífilis e Sífilis Congênita. A premiação ocorre após a Secretaria desenvolver ações para a redução vertical de sífilis congênita.

Publicidade

A 4ª edição do Prêmio foi concedida aos municípios do estado de São Paulo, que alcançaram indicadores selecionados para a redução ou eliminação da transmissão vertical do HIV e/ou sífilis.

Estiveram presentes no evento representantes do Ministério da Saúde, o Presidente do COSEMS (Conselho dos Secretários Municipais de Saúde), representantes das vigilâncias epidemiológicas estaduais e municipais, representantes da Atenção Primária em Saúde estadual e municipais.

A Secretária de Saúde de Cajamar, Patrícia Haddad, agradeceu a todos de sua equipe de vigilância epidemiológica e toda equipe da atenção primária pela dedicação e competência. Ela afirmou que a premiação indica o trabalho bem realizado do município:

Publicidade

“A Saúde de Cajamar vem prestando assistência de grande qualidade aliada à proteção conjunta das gestantes e dos bebês”, comemorou.

O evento foi realizado pelo Programa Estadual de IST/Aids-SP em parceria com a Atenção Básica e o Conselho de Secretários Municipais de Saúde (COSEMS), para levantar discussões sobre os desafios no enfrentamento da sífilis congênita como um problema de saúde pública no estado. Nele, houve a apresentação das experiências exitosas de alguns municípios que buscam a diminuição e eliminação desse problema, entre eles o de Cajamar.

Prêmio Luiza Matida

Publicidade

O prêmio Luiza Matida é uma homenagem à médica pediatra e sanitarista Luiza Harunari Matida, falecida em 2014. O trabalho que realizou por 20 anos no Centro de Referência e Treinamento DST/AIDS-SP, contou com sua coordenação, elaboração e implantação de políticas públicas e estratégias para a Eliminação da Transmissão Vertical do HIV e Sífilis. O resultado foi uma enorme contribuição para a redução dos casos dessas infecções no estado de São Paulo.


Fonte: Gazeta SP

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE