Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

PM mata homem, após ter atirado na companheira e na enteada em BH

Publicado

dia:

PM mata homem, após ter atirado na companheira e na enteada em BH

Homem foi morto pela polícia que o encontrou apontando uma arma para a esposa e a enteada – Foto: Reprodução/Redes Sociais

O dentista Fernando Mares de 54 anos morreu em um confronto com a Polícia Militar (PM) na noite desta quinta-feira (11) no bairro Santa Cruz, Região Nordeste de Belo Horizonte, Minas Gerais (MG), após ter atirado na companheira e na enteada.

De acordo com informações da PM, Fernando vivia com a mulher e com a enteada e o casal tinha um relacionamento conturbado, com brigas recorrentes.

Segundo a PM, na noite desta quinta-feira (11), vizinhos ouviram gritos e discussões seguidos de disparos de arma de fogo e acionaram a polícia militar.

Ao chegarem no local, os militares entraram na casa, Fernando já tinha atirado na companheira e na enteada e permanecia alterado, com arma em punho, ameaçando matar as duas.

A mulher estava na mira da arma de fogo e os policiais tentaram negociar uma rendição com Fernando.

No entanto, segundo a polícia, o homem, em determinado momento, mudou o alvo e ameaçou os policiais com a arma.

Visto que as negociações não estavam tendo êxito, e o risco que as mulheres e os agentes corriam, Fernando Mares foi baleado.

Apesar de ter sido socorrido, ele morreu a caminho do hospital.

A companheira dele foi atingida com cinco disparos, um deles no rosto. Ela foi levada consciente para o Hospital Odilon Behrens.

Já a enteada foi baleada na perna esquerda e encaminhada para a mesma unidade de saúde.

Sobre o estado de saúde das duas, o Hospital Odilon Behrens disse que não divulga o estado de saúde dos pacientes.

A Polícia Civil investiga o caso.

Fonte: Yahoo Notícias

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS