Siga-nos nas Redes Sociais


Saúde

Pfizer entrega vacina para bebês a partir de 6 meses

Publicado

dia:

Pfizer entrega vacina para bebês a partir de 6 meses

Tânia Rêgo/Agência Brasil – 26/01/2022

Vacinação contra a COVID-19

Mais de 1 milhão de doses de vacina
contra a 
Covid-19

foram entregues ao Brasil pela farmacêutica Pfizer nesta quarta-feira (27). Os imunizantes foram destinados ao
Ministério da Saúde

 e recomendadas para crianças
com mais de 6 meses
e 4 anos
.

No mês passado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou a vacina desta empresa para esta faixa etária. O órgão permitiu ainda o início imediato da aplicação do imunizante no Brasil, mas cabe ao Ministério da Saúde estabelecer o calendário de vacinação.

No dia 13 de outubro, a pasta liberou a imunização pediátrica apenas para as crianças com comorbidades e alegou que iria solicitar à Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec) a avaliação de possível ampliação do uso da vacina pediátrica entre os 6 meses e os 4 anos.

A vacina para essa faixa etária tem dosagem e composição diferentes daquelas dos outros imunizantes já aprovados. A formulação da vacina da Pfizer em crianças deverá ser aplicada em três doses de 0,2 ml (equivalente a 3 microgramas).

Em nota, a diretoria da Pfizer no Brasil afirmou estar feliz com o recebimento das vacinas para os bebês e crianças.

“Estamos muito felizes com essa entrega, pois sabemos que muitos pais esperam ansiosamente por esse momento. A vacinação para a faixa etária dos bebês e crianças menores é mais um importante passo que damos na luta para o fim da pandemia. Com a ampliação da imunização para esse grupo, poderemos não só reduzir o risco de hospitalização e morte, como também reduzir as complicações que essa doença pode trazer nessa faixa etária. Além, claro, de diminuir ainda mais a chance da circulação do vírus”, disse Adriana Polycarpo Ribeiro, diretora médica da Pfizer Brasil.

Em setembro, um estudo da Observa Infância, ligado à Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) apontou que o índice de internações de crianças com menos de 5 anos por Covid-19 aumentou 50% no período de 17 de julho e 10 de setembro em relação ao primeiro semestre deste ano. 

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE