Siga-nos nas Redes Sociais


Famosos

Petição contra Kanye West soma mais de 60 mil assinaturas. Entenda! –

Publicado

dia:

kanye west posando com moletom preto e boné


Kanye West segue vendo seu nome envolvido em polêmicas enormes nos últimos tempos. Algumas pessoas estão fazendo uma petição, que já atingiu 64 mil assinaturas, para tentar retirar todo o catálogo do rapper das plataformas de streaming. Ele também é pré-candidato à Presidência dos Estados Unidos.

O abaixo assinado foi criado por Nathan George, no site coletivo Change.Org. Lá, ele fez um texto relembrando as declarações antissemitas, e convocou Spotify, Apple Music, Amazon Music a aderirem a campanha:

Publicidade

“Kanye West fez declarações elogiando Hitler e negando o Holocausto, após um mês proferindo declarações antissemitas danosas. Nossa sociedade não tem lugar para pessoas que espalham esse tipo de ódio continuarem a ganhar milhões. Eu convoco a Apple Music, Spotify, Amazon Music e outras plataformas de streaming a removerem imediatamente todos os discos e singles de Kanye West de suas plataformas.”

O CASO

Depois de elogiar Adolf Hitler para seus funcionários, Kanye West declarou amor ao ditador genocida ao participar de uma entrevista com Alex Jones, famoso por acreditar e disseminar várias teorias de conspiração.

“Todo ser humano tem algo de valor que trouxe para a mesa, especialmente Hitler. Também Hitler nasceu cristão”, disse o rapper.

Publicidade

Leia +: Kanye West é processado por não pagar aluguel

West – que agora se intitula como Ye e já perdeu contratos por conta de suas declarações polêmicas – usava uma máscara preta cobrindo completamente o rosto e discursou sobre pecado, pornografia e o diabo.

“Eu amo os judeus, mas também amo os nazistas”, disse o músico. “Não gosto de ver a palavra ‘maldade’ ao lado de nazistas”, insistiu ele na longa e confusa entrevista da qual também participou o supremacista branco Nick Fuentes.

Publicidade

“Eu enxergo coisas boas sobre Hitler também”.

Ele continuou com as declarações antissemitas: “Amo todo mundo. Não posso dizer que essa pessoa (Hitler) que inventou as estradas e os microfones que uso como músico não fez nada de bom. Cada ser humano tem algo valioso que trouxe para a mesa, especialmente Hitler”, acrescentou.

TCHAU, TWITTER

Publicidade

Diante das declarações antissemitas e admiração por Hitler por parte de West, Elon Musk suspendeu a conta do rapper no Twitter. A atitude do dono da rede social aconteceu menos de dois meses após a conta ter sido restabelecida. Musk alegou que o rapper incitou a violência e violou as regras da plataforma digital.

Leia +: Elon Musk tem birra com Kanye West? Entenda!

Kanye West foi suspenso após postar uma imagem de suástica nazista entrelaçada à estrela de Davi, símbolo do Judaísmo.

Publicidade

“Só para esclarecer que sua conta foi suspensa por incitar a violência”, disse Musk na quinta-feira, 01 de Dezembro, horas após a entrevista do rapper.

Vale destacar que Kanye West já declarou que planeja se candidatar à Presidência dos Estados Unidos em 2024.

“Eu sou um nazista”, chegou a afirmar o cantor para Jones, que respondeu: “você está dobrando sua aposta”.

Publicidade

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE