Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

PCDF apreende 1 tonelada de maconha com a Quadrilha da Hilux

Publicado

dia:

PCDF apreende 1 tonelada de maconha com a Quadrilha da Hilux


Alvo de duas operações simultâneas da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), a Quadrilha da Hilux, além de envolvimento com o furto de caminhonetes de alto luxo, também atuavam com o tráfico de drogas. Em um dos endereços alvo de busca na manhã desta quinta-feira (24/4) os policiais apreenderam mais de 1 tonelada de maconha.

As ações, conduzidas pelas coordenações de repressão aos Crimes Patrimoniais (Corpatri), às Drogas (Cord), com apoio da Divisão de Operações Especiais (DOE), resultaram no cumprimento de 31 mandados de prisão temporária e três preventivas, além de ordens de busca e apreensão domiciliar.

Publicidade

O grupo criminoso alvo da Operação Cruzada era dedicado ao tráfico interestadual de carregamentos de maconha. Eles transportavam grandes quantidades dessa droga de outros estados para a pulverização no Distrito Federal.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu carregamento com 1,7 tonelada de maconha em Camapuã (MS) e outros 150 kg no Distrito Federal. Em decorrência dessas apreensões, as investigações da Cord expuseram que o núcleo criminoso investigado e desarticulado era o financiador do transporte das cargas de maconha apreendidas pela PRF, e seria responsável pela sua distribuição no Distrito Federal.

Uma célula da quadrilha também realizava roubos e furtos de veículos, e foi investigada pela Corpatri. Esse núcleo era especializado em furto de camionetes de elevado valor de mercado em áreas nobre e de grande circulação de pessoas do Distrito Federal.

Publicidade

As camionetes subtraídas com utilização de equipamentos sofisticados que conseguem burlar os sistemas de segurança criados pelas montadoras, eram desmanchadas ou levadas a regiões de fronteira para serem trocadas por droga.

Facção

Foi evidenciado, ainda, a ligação do grupo criminoso investigado com a facção denominada Comboio do Cão, ligada ao tráfico de drogas e cometimento de homicídios na capital federal.

Dois dos integrantes do grupo criminoso desarticulado são processados por homicídios praticados em circunstâncias características de execuções levadas a efeito por organizações criminosas. Numerosos disparos de pistola 9mm equipada com seletor de rajada atingindo regiões vitais das vítimas.

Publicidade

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE