Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

novas tendências para o Transporte Inteligente

Publicado

dia:

grajaunews.com

Integradora apresenta suas soluções e experiência com a gestão de 30 mil veículos monitorados com seus sistemas em projetos espalhados por toda a América Latina 

São Paulo, setembro de 2022 – Melhorar a mobilidade dos passageiros está entre os maiores desafios na atualidade, pois o transporte afeta o dia a dia da população, bem como das empresas e dos visitantes da cidade. A implantação de um Sistemas de Transportes Inteligentes (ITS) é fundamental e envolve tecnologias que se adaptam aos hábitos dos cidadãos com sistemas de pagamento, gestão de frotas e informações ao usuário. Essa tratativa permite operar de forma interligada com toda a rede de serviços públicos e privados, otimizando o tempo, a programação e a experiência da viagem.

A SONDA, maior integradora e líder em serviços de transformação digital na região, está à frente desse movimento, levando às cidades sua experiência em grandes projetos de transformação, inovação e modernização do setor. Suas soluções atendem desde as necessidades de bilhetagem e de gestão de frotas, passando pela mobilidade no modelo de Serviço até chegar à diversificação dos meios de pagamento, incluindo cartões contactless, Pix, QR Codes. Atualmente, a SONDA monitora aproximadamente 30 mil veículos com sua solução de Gestão de Frota, realiza 17 mil transações por dia e opera mais de 10 mil veículos com sua solução de bilhetagem.

Entre seus projetos na América do Sul está um projeto de transporte público que teve como desafios a introdução de um novo esquema de tarifa integrada entre os ônibus e o metrô, a incorporação do meio de pagamento eletrônico e a troca de frota de ônibus com equipamento embarcado. Além disso, a solução adotada para a gestão de frota é responsável pela geração dos KPI’s de prestação de serviços, indicadores que são utilizados para a remuneração dos operadores de transporte da cidade.

Outros dois projetos na região envolvem a modernização do sistema de pagamento em metrôs e elevadores na cidade, integrando as tarifas desses meios de transporte tradicionais. Além disso, há a implementação de um novo Sistema de Coleta Multimodal com acesso a pagamento com cartões de crédito/débito, QR Code, Smartphone e tecnologia sem contato. Esta operação permite o acesso aos diferentes serviços numa única modalidade de pagamento, com processos de carregamento remoto que facilitam o acesso direto às catracas. A implantação contribui para um grande projeto de expansão da cidade onde está localizado o projeto, que busca transportar mais de 150 milhões de passageiros em mais de mil quilômetros de linha ferroviária até 2027.

Já na América Central, um dos projetos que a SONDA desenvolveu opera oito linhas de um sistema de ônibus rápido (BRT), que envolveu a implementação de uma solução de bilhetagem eletrônica em 116 estações com 259 catracas, sendo 98 para pessoas com capacidades diferentes. Além disso, foram automatizados 23 pontos de ônibus com áreas pagas e existem nove postos de atendimento ao cliente.

Outro projeto envolve a implementação de um sistema integrado de transporte pioneiro, mediante o qual, com um único cartão, os panamenhos podem usar os sistemas de Metrô e MiBus. A solução incluiu equipamentos, tecnologia e um sistema integrado de bilhetagem eletrônica para ônibus e metrô por meio de um único cartão de pagamento, que é válido em toda a rede de recarga existente. Essa solução conta com um sistema de apoio à gestão de frota, além de sistema de monitoramento, controle de catracas e concentradores de estação. Os usuários de transporte público e privado no Panamá contam com um sistema único de pagamento, válido em uma ampla rede de transportes, que inclui metrô, ônibus e um grande terminal intermodal. O sistema também vem incorporando uma série de soluções e serviços que hoje resultam no sistema de transporte 4.0 e introduz a experiência de pagamento sem contato com QR Codes e cartões de crédito nas catracas.

No Brasil, nas regiões Norte e Centro-Oeste, a companhia foi responsável pela substituição das tecnologias de Bilhetagem Eletrônica e Gestão de Frota. Um dos projetos incluiu a troca dos validadores e a instalação de um moderno sistema de Reconhecimento Facial em cerca de 1,6 mil carros. E no outro foi realizada a atualização de 580 validadores integrados a um moderno sistema de comunicação com o motorista por meio de um terminal de dados. Em ambos os projetos, os validadores possuem tecnologias GPS e QRCode, além de estarem totalmente integrados aos demais sistemas implementados.

Diante dos casos expostos, fica claro que um sistema de transporte é o resultado de um megaprojeto público-privado que envolve muitos atores. O desafio é conseguir um ITS (Sistemas Inteligentes de Transportes) eficiente, tanto em termos operacionais quanto de custos. “As nossas soluções respondem de maneira eficiente às necessidades atuais das cidades. São projetos desenhados e articulados para apoiar a administração pública e privada, com o uso intensivo das tecnologias que podem promover a transformação de uma cidade em locais inteligentes”, finaliza Marco Alexandre Moniz Branco.

Compartilhe a reportagem nas redes sociais:

Fonte: Diario do Transporte

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS