Siga-nos nas Redes Sociais


Bairros

Mortes de ciclistas aumentam 64% na cidade de São Paulo em 2019

Publicado

dia:

O número de mortes de ciclistas aumentou 64% no trânsito da cidade de São Paulo em 2019, de acordo com dados do Infosiga, banco de dados do Governo do Estado sobre que reúne informações de acidentes de fontes como Polícia Civil, Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal. O boletim foi divulgado na última segunda-feira (20).

Em 2018, a capital registrou 22 mortes de ciclistas no trânsito; foi um aumento de 64% comparado a 2019, quando o número saltou para 36. No último ano, entre os 36 acidentes em que a vítima foi um ciclista, 9 ocorreram no sábado e 11 se concentraram na faixa etária de 40 a 49 anos.

Em 10 casos havia um automóvel envolvido, 55,56% destes acidentes ocorreram em vias urbanas, e quase a totalidade das vítimas (94,44%) eram homens.

Para reduzir estas mortes, existem diversas propostas da Câmara Temática da Bicicleta (CTB), criada pela Prefeitura de São Paulo para discutir política cicloviária.

Ações emergenciais como sinalização adequada em locais em obras, treinamento para motoristas de ônibus, intensificação de campanhas pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e redução da velocidade dos veículos em vias arteriais poderiam reduzir o número de vítimas. 

A Prefeitura de São Paulo anunciou no final de 2018 a implantação de 173 km de novas ciclovias e a readequação de 310 km em trechos já existentes, interligando melhor a malha ao transporte público. Contudo, ainda não há um balanço disponível do que foi cumprido desta meta em 2019. 

Fonte: Bicycling

Clique e Comente

Você precisa estar logado para postar um comentário Entrar

Deixe uma resposta

Publicidade

Siga-nos no Facebook

Mais Lidas