Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

Lula pretende restabelecer laços com países latinos na Argentina

Publicado

dia:

Lula pretende restabelecer laços com países latinos na Argentina


Ricardo Stuckert

Lula

O presidente  Luiz Inácio Lula da Silva deve priorizar a retomada da integração do Brasil novamente a cúpula de países da América Latina em seu mandato. Diferente de Jair Bolsonaro – que sempre disse abertamente que a relação com os países vizinhos não era uma prioridade de seu governo – Lula pretende reconstruir esses laços deixados de lado pelo ex-presidente ao desembarcar neste domingo (22) na Argentina

Publicidade

No entanto, apesar da vontade do mandatário, o trabalho será muito mais desafiador do que o encontrado por ele há 20 anos, em seu primeiro governo. 

A crise econômica na Argentina, a convulsão política no Peru e o isolamento de países como Cuba e Venezuela, devem afetar o andamento da relação bilateral esperada pelo chefe do Executivo, que na Argentina participa da reunião da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac) na terça e, no dia seguinte, visita o Uruguai.

Além disso, a polarização política e ideológica também afeta a região de diversas maneiras. Veja alguns exemplos:

Publicidade
  • No México, o esquerdista Andrés Manuel López Obrador tenta mudar a lei eleitoral para reduzir a força da oposição em seu país com um discurso de contestação do sistema que lembra declarações do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL).
  • No Peru, país que pode roubar a pauta no encontro regional, há dezenas de mortos em protestos contra a presidente Dina Boluarte, que sucedeu a Pedro Castillo após sua destituição por um autogolpe frustrado. 
  • Nos países vizinhos, há uma uma divisão no que se refere à aceitação dos regimes de Cuba e da Venezuela.
  • Gabriel Boric, presidente do Chile e esquerdista, mantém uma posição crítica em relação à condução política do venezuelano Nicolás Maduro.

Na Argentina, Lula deve argumentar com os colegas que isolar um país é um erro.

Já ao conversar com os presidentes da Argentina, o esquerdista Alberto Fernández, e do Uruguai, Luis Alberto Lacalle Pou, de direita, o mandatário quer promover a mensagem de que a integração entre os países deve estar acima de qualquer pauta ideológica. 

Lula retoma em sua viagem a tradição da diplomacia brasileira de a Argentina primeiro destino do presidente no cargo. Ele irá amanhã à Casa Rosada, onde discutirá com Fernández a agenda econômica de interesses em comum. No local, o presidente assinará um acordo de ciência e tecnologia para a Antártida que também envolverá cooperação logística.

Já no Uruguai, o chefe do Executivo deve se empenhará para reorganizar a relação do Brasil com o vizinho. Um dos pontos que devem ser discutidos será a negociação entre Uruguai e China de um acordo de livre comércio sem os demais sócios do Mercosul. 

Publicidade

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o perfil geral do Portal iG.

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE