Siga-nos nas Redes Sociais


Famosos

Lula lamenta a morte de Pelé e revela: ‘Confesso que tinha raiva’

Publicado

dia:

luiz Inácio lula da silva abraçando pelé


Morreu nesta quinta-feira, 29 de dezembro, aos 82 anos, em São Paulo, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé. O ex-jogador, que lutava contra um câncer de intestino desde 2021, estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein, na zona sul da cidade, desde o dia 29 de novembro, quando deu entrada apresentando inchaço em todo o corpo.

No hospital, ele foi identificado pelo corpo clínico com anasarca, um inchaço generalizado, além de uma síndrome edemigênica e insuficiência cardíaca descompensada, ficando com seu estado de saúde bastante delicado há semanas, sendo inclusive visitado pela família.

Publicidade

Por conta do legado deixado pelo esportista durante sua carreira, que lhe rendeu o título de “o Rei do Futebol”, muitos famosos estão lamentando a morte do maior artilheiro da seleção brasileira nas redes sociais, demonstrando estarem bastante abatidos com a notícia.

O presidente eleito do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi mais um a lamentar a morte de Pelé em suas redes sociais, rasgando elogios ao ex-atleta por todo o legado que deixou para o Brasil no mundo do esporte, e ainda contou uma curiosidade aos fãs.

Leia+: Fãs prestam homenagem a Pelé em porta de hospital

Publicidade

CONFIRA A DECLARAÇÃO

“Eu tive o privilégio que os brasileiros mais jovens não tiveram: eu vi o Pelé jogar, ao vivo, no Pacaembu e Morumbi. Jogar, não. Eu vi o Pelé dar show. Porque quando pegava na bola ele sempre fazia algo especial, que muitas vezes acabava em gol. Confesso que tinha raiva do Pelé, porque ele sempre massacrava o meu Corinthians”, começou o petista.

“Mas, antes de tudo, eu o admirava. E a raiva logo deu lugar à paixão de vê-lo jogar com a camisa 10 da Seleção Brasileira. Poucos brasileiros levaram o nome do nosso país tão longe feito ele. Por mais diferente do português que fosse o idioma, os estrangeiros dos quatros cantos do planeta logo davam um jeito de pronunciar a palavra mágica: ‘Pelé’”, continuou o presidente eleito.

“Pelé nos deixou hoje. Foi fazer tabelinha no céu com Coutinho, seu grande parceiro no Santos. Tem agora a companhia de tantos craques eternos: Didi, Garrincha, Nilton Santos, Sócrates, Maradona… Deixou uma certeza: nunca houve um camisa 10 como ele. Obrigado, Pelé”, concluiu Lula.

Publicidade

Leia+: Mbappé relembra encontro com Pelé e lamenta a morte do Rei

TIAGO LEIFERT TAMBÉM FEZ UMA HOMENAGEM

Tiago Leifert, que possui uma longa carreira no jornalismo esportivo e até hoje está dentro do meio, se pronunciou sobre o falecimento de Pelé, e apesar de lamentar sua morte, ele agradeceu todo o legado deixando ex-atleta.

“Somos o país do futebol porque graças a Deus você nasceu aqui. Todos nós jornalistas esportivos devemos nossa carreira ao dia que você resolveu jogar bola e a partir dali inspirou gerações e gerações de fãs e jogadores”.

“Obrigado ao menino que desde os 17 anos só nos deu alegrias e hoje, pela primeira vez, nos faz chorar. De orgulho. Obrigado, Majestade. O Rei está morto, vida longa ao Rei”, completou Tiago Leifert em sua homenagem.

Publicidade

Siga OFuxico no Google News e receba alertas sobre as principais notícias sobre famosos, novelas, séries, entretenimento e mais!

Raphael Araujo

É formado em Jornalismo na Faculdade Cásper Líbero. OFuxico foi o seu primeiro emprego como estagiário e agora repórter. Diariamente faz um pouco de tudo, mas tem como assuntos favoritos Super-Heróis e demais assuntos da Cultura Pop (séries, filmes, músicas) e tudo que envolva a Comunidade LGBTQIA+.

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE