Siga-nos nas Redes Sociais


Bairros

Isolamento fica em 51% na Grande SP no 1º dia de ‘feriadão’ da capital

Publicado

dia:

No primeiro dia de feriadão em São Paulo, aprovado pela Prefeitura da capital para conter o avanço do novo coronavírus, o isolamento social na capital ficou em 51% na quarta-feira, 20. O resultado representa um aumento de dois pontos porcentuais em relação aos dias anteriores, antes do início dos feriados antecipados.

Os dados são do sistema de monitoramento do governo estadual. Em todo o Estado, a média de isolamento social foi de 49% na quarta, um ponto porcentual a mais do que no dia anterior.

A meta do governo é que 60% da população paulista fique em casa e, segundo os especialistas em saúde que compõem o centro de contingência estadual, o número ideal é 70%. As metas foram estipuladas para diminuir o ritmo de transmissão da covid-19 e evitar um colapso do sistema de saúde.

“Faço aqui um apelo para que as pessoas ficquem em casa. Mas, até aqui, há razões para aplaudir e agradecer a população de São Paulo”, disse o governador João Doria (PSDB). “A boa noticia, também, é que o movimento nas rodovias de São Paulo foram, em me´dia inferiores às medias dos finais de semana.”

O feriadão, que teve início na capital nesta quarta com a antecipação do Corpus Christi, deve durar até a próxima segunda-feira, 25. A intenção do governo é aprovar hoje na Assembleia Legislativa a mudança do feriado da Revolução Constitucionalista, em 9 de Julho, para a próxima semana.

Nesta quarta-feira, o trânsito também diminuiu na capital. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a cidade de São Paulo não registrou congestionamentos e teve picos de lentidão de dois quilômetros, abaixo da média dos dias de semana no último mês.

Publicidade
Clique e Comente

Você precisa estar logado para postar um comentário Entrar

Deixe uma resposta

Publicidade

Siga-nos no Facebook

Mais Lidas