Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

‘Imagina se fizessem com o Lula’, indaga Bolsonaro sobre vídeo que encena atentado contra ele

Publicado

dia:

Bolsonaro faz referência a Lula e diz que esquerda quer colocar no poder ‘uma pessoa que já não deu certo’

Presidente afirmou que a Polícia Federal investiga o caso; ministro da Justiça citou ‘imagens chocantes’

Alan Santos/PR – 14/06/2022

Presidente Jair Bolsonaro participou da posse de Daniella Marques no comando da Caixa Econômica Federal

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), comentou nesta terça-feira, 19, a respeito do suposto vídeo onde é simulado um atentado contra ele durante gravações em estúdio. Em conversa com apoiadores, ao ser questionado sobre as imagens, o chefe do Executivo afirmou que a Polícia Federal está investigando o caso. “No dia seguinte ia continuar a filmagem, mas não continuou”, afirmou Bolsonaro, que detalhou a gravação. “O fundo é Amazônia, a floresta pegando fogo e um atentado contra mim. Inclusive, o cara pega uma flecha e crava no pescoço, além do pessoal atirando na gente. Justificam que aquilo é bom para o mundo, que o meu assassinato é bom para o mundo”, completou.

O vídeo citado ganhou as redes sociais no último sábado, 16, após o deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente, compartilhar a gravação no Twitter, questionando o teor da encenação. Na mensagem, o 0? questiona se o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), vai abrir uma investigação sobre o caso. “Quantas horas Alexandre de Moraes dará para os produtores se manifestarem sobre discurso de ódio? Ou será que isso pode? Será que instigar outros Adélios pode?”, diz na mensagem.

Entre os apoiadores nesta terça, as dúvidas foram semelhantes. “Imagina se fizessem isso com o Alexandre”, afirmou um apoiadora ao presidente, que completou: “Imagina se fizessem com o Lula”. Como a Jovem Pan mostrou, com a repercussão do vídeo nas redes sociais, o ministro da Justiça, Anderson Torres, encaminhou um pedido à Polícia Federal para que a gravação, assim como o suposto filme produzido, sejam investigados. “Produção artística? Estamos estudando o caso para avaliar medidas cabíveis e apurar eventuais responsabilidades. As imagens são chocantes e merecem ser apuradas com cuidado.”

Quantas horas Alexandre de Moraes dará para os produtores se manifestarem sobre discurso de ódio?

Ou será que isso pode? Será que instigar outros Adélios pode?Tem método… pic.twitter.com/39qA5Xb9dv

— Eduardo Bolsonaro🇧🇷 (@BolsonaroSP) July 16, 2022

Determinei encaminhamento do caso à #PF para instauração de inquérito policial, e completa apuração dos fatos.

— Anderson Torres (@andersongtorres) July 16, 2022

Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS