Siga-nos nas Redes Sociais


Bairros

Google Station, que fornecia Wi-Fi aberto, será descontinuado no Brasil e no mundo

Publicado

dia:

No meio do ano passado, o Google anunciou uma iniciativa que prometia Wi-Fi em mais de 80 locais públicos de São Paulo. O programa, chamado Google Station, será encerrado menos de um ano depois do lançamento no Brasil – por aqui, também havia pontos de acesso no Ceará. Os pontos de acesso também serão descontinuados ao redor do mundo, colocando um ponto final numa história que começou em 2015.

Caesar Sengupta, vice-presidente de pagamentos e do projeto Next Billion Users do Google, disse que o programa não era mais necessário, já que os preços de pacotes de dados ficaram muito mais baratos, principalmente na Índia, um dos países chave do Station. Por lá, eram 400 pontos de Wi-Fi em estações ferroviárias.

O executivo do Google explica que a operadora Reliance Jio passou a oferecer pacotes de dados a preços baixíssimos ou até mesmo de graça para diversas pessoas – o que aumentou a competitividade no mercado local e tornou o Station desnecessário.

Esse não é o único motivo, no entanto. O Google encontrou dificuldades para sustentar o modelo de negócios e manter essas redes funcionando – o Station estava presente no Brasil, México, Índia, Tailândia, Nigéria, Filipinas, Vietnã e Africa do Sul. Em alguns casos, a companhia exibia anúncios publicitários quando os usuários faziam logins nas redes abertas.

O Google firmava parcerias com empresas para oferecer os pontos de acesso Wi-Fi. No Brasil, as empresas Linktel e America Net fornecem infraestrutura para o programa. Em uma publicação em seu blog oficial, a empresa diz que está trabalhando com os parceiros do País “em um plano de transição do serviço e continuaremos dando suporte a eles e aos usuários até o fim do ano”:

Nos últimos anos, porém, os desafios impostos por diversos requisitos técnicos nos diferentes países tornaram difícil a nossa missão de escalar e tornar o projeto sustentável, especialmente, para nossos parceiros. Além disso, o ecossistema evoluiu como um todo, oferecendo várias oportunidades de acesso e com custos menores.

Em função disso, tomamos a decisão de interromper o programa Google Station globalmente, de maneira gradual, durante 2020. Estamos trabalhando com nossos parceiros brasileiros em um plano de transição do serviço e continuaremos dando suporte a eles e aos usuários até o fim do ano.

Publicidade

Siga-nos no Facebook

Mais Lidas