Siga-nos nas Redes Sociais


Últimas Notícias

Em aceno à direita, grupo de Garcia cogita Tarcísio para senador

Publicado

dia:

Governo Bolsonaro incentiva uso da Lei Rouanet para eventos pró-arma

Em aceno aos eleitores conservadores, sobretudo do interior do Estado de São Paulo, o grupo político do governador paulista e candidato à reeleição, Rodrigo Garcia (PSDB), tem feito acenos ao bolsonarismo.

Na última semana, uma ideia começou a circular nas rodas de conversa do PSDB e ganhou adesões no PSD. O pré-candidato Tarcísio de Freitas (Republicanos), aliado do presidente Jair Bolsonaro (PL), sairia da disputa pelo governo e concorreria ao Senado na chapa do tucano. Receberia apoio do grupo.

A leitura que embasa a tese é que Tarcísio tem enfrentado dificuldades tanto para crescer nas pesquisas como para conquistar aliados. Atualmente, ele conta com seu próprio partido, o PL, o PTB e o PSD —que indicou o ex-prefeito de São José dos Campos Felício Ramuth como candidato a vice-governador.

A chapa de Garcia já tem 9 partidos e mais que o dobro do tempo de TV de Tarcísio.

Setores dos partidos que apoiam Tarcísio mantêm apoio a Garcia, sobretudo os prefeitos. Nas últimas pesquisas de intenção de votos, o candidato de Bolsonaro aparece estagnado. Garcia melhorou e já está em situação de empate técnico.

Bolsonaro poderia subir no palanque de Garcia também. Os candidatos Simone Tebet (MDB) e Luciano Bivar (União Brasil) vão subir nesse palanque no maior Estado do país.

A preços de hoje, o acordo tem poucas chances de prosperar. O grupo ligado a Tarcísio diz que a campanha continua e que eles irão até o fim. “Vamos para as cabeças”, disse um dos seus aliados sob condição de anonimato.

Rosangela Moro

Outra hipótese cogitada para o cargo de senador na chapa do tucano é lançar a advogada Rosangela Wolff Moro (UB) para senador. Mulher do ex-ministro Sergio Moro, a expectativa é que ela tenha votação expressiva no Estado.

Hoje, ela é candidata a deputada federal por São Paulo. Seu escritório político, inclusive, é dividido com o candidato presidente a sigla.

Esses temas serão definidos ao longo da semana. O prazo para a definição das candidaturas é até 5 de agosto, quando se encerra o prazo das convenções partidárias.

A Microsoft pode ganhar uma comissão de afiliado caso você compre algo recomendado nos links desse artigo

Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS