Siga-nos nas Redes Sociais


Tecnologia

Em 2023, a Anatel deve focar na conectividade rural e de escolas no campo

Publicado

dia:

Ana Cláudia


A Anatel, Agência Nacional de Telecomunicações, em 2023, deve focar na expansão da internet no campo na melhoria da conectividade nas áreas rurais. Afinal, está previsto para esse ano a retomada do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações. 

São estimados recursos de R$ 1 bilhão para expandir a conectividade em áreas com baixos números de Desenvolvimento Humano. Com isso, as zonas rurais devem ser priorizadas. 

Publicidade

Eduardo Jacomassi, gerente de universalização da Anatel, afirma que a Lei do Fust estabeleceu que os recursos que existem hoje precisam ser investidos em conectividade de instituições de educação até 2024. 

“A própria Lei do Fust estabeleceu que os recursos têm que ser usados para conectar todas as escolas até 2024. As escolas rurais são atendidas pelas duas prioridades e são as mais deficitárias hoje em termos de conectividade”. 

Essa lei foi criada em 2000, porém até então o fundo não foi efetivamente usado pois só poderia ser trabalhado em telefonia fixa e as principais obrigações desse nicho estavam ligadas às operadoras. Elas faziam a expansão e o fundo não foi usado. Segundo explicou Jacomassi.

A Anatel tem obrigado as concessionárias a expandir a cobertura no campo, incluindo o edital do 5G. Foram colocadas obrigações para empresas de cobertura 4G e 5G em mais de 7 mil zonas rurais, mais 33 mil km de estradas federais. 

Publicidade

Conectividade na América Latina

A Internet na porção latina do continente está concentrada em 10 países:  Argentina, Barbados, Bahamas, Belize, Brasil, Costa Rica, Chile, Panamá, Trinidad y Tobago e Uruguai. Sendo que por volta de 72 milhões de pessoas vivem em zonas rurais com padrões mínimos de conectividade. 

E trazendo para o recorte Brasil, é clara a diferença entre a conectividade nas grandes cidades e no campo. Há lugares onde nem o sinal 4G foi implantado ainda. 

Portanto, a Anatel tem como missão para os próximos meses diminuir essas diferenças e focar na conectividade em áreas mais carentes.

Publicidade

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE