Siga-nos nas Redes Sociais


Tecnologia

Chefe da Meta não quer que funcionários postem no ‘anti-LinkedIn’

Publicado

dia:

Imagem de: SwiftKey volta ao iOS e Microsoft promete

O diretor de tecnologia da Meta, Andrew “Boz” Bosworth, quer impedir que os funcionários da controladora do Facebook façam postagens sobre a empresa no fórum anônimo da comunidade profissional Blind. O aplicativo tem se tornado cada vez mais popular entre os funcionários do Vale do Silício para discutir alguns perrengues dos trabalhadores nas empresas de tecnologia.

Após um “sermão” do executivo na quarta-feira (16), o assunto foi parar justamente no grupo de discussão. “Nosso CTO começou a falar sobre o quão ruim é o Blind para nossa saúde mental. Mas em apenas alguns minutos ele abordou muitas das discussões das últimas duas semanas”, revelou um funcionário.

Para os empregados da Meta, ficou uma nítida sensação que seu “Boz” é um seguidor assíduo das postagens da rede social corporativa. Um comentarista lembrou que Bosworth “é o responsável pelos esforços do Metaverso. Imagine ler milhares de threads sobre como sua estratégia está furada”.

“Boz” Bosworth não quer seus comandados no Blind. (Fonte: Meta/Reprodução.)Fonte:  Meta 

O Blind declarou ao Insider que a rede social — também conhecida como antiLinkedIn — tem mais de 64 mil funcionários da Meta inscritos, dos quais 3 mil se inscreveram no dia anterior ao anúncio de 11 mil cortes na Big Tech. O ingresso é simples, segundo o Blind: basta informar o endereço de e-mail de trabalho, cargo e empregador.

Falando ao Insider, o fundador e diretor de negócios do Blind, Kyum Kim, disse não estar surpreso por Bosworth ser um “fã” da plataforma, pois o fórum anônimo pode ser uma importante fonte para se entender o que se passa na cabeça das pessoas. Os executivos podem até se sentir desconfortáveis, afirma o CBO, “mas continuam participando porque é necessário”.

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.



#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA