Siga-nos nas Redes Sociais


Tecnologia

Busca por ‘pornografia em realidade virtual’ cresceu 115% em 2022

Publicado

dia:

Imagem de: Busca por

Um estudo recente do Bankless Times revelou que a ascensão em vendas de headsets VR (Realidade Virtual) tem coincidido com o crescimento pela busca de conteúdo adulto para essa plataforma. Esse interesse dos usuários tem chamado a atenção, visto que a procura por “pornografia em VR” cresceu 115% no primeiro semestre de 2022.

As buscas por conteúdo VR +18 tiveram seu segundo maior aumento da história em janeiro deste ano, com mais de 920.000 registros. O recorde de pesquisa aconteceu em dezembro de 2016, mesmo mês em que Facebook lançou o Oculus VR e os controles touch para acompanhá-lo. O My Smart Price adiciona que, na época, a realidade virtual ainda tinha o “fator novidade”.

Outro exemplo citado foi o lançamento do Oculus Quest 2 VR, que aconteceu no último trimestre de 2020. Não muito tempo depois, em janeiro de 2021, o tráfego de conteúdo VR adulto aumentou, registrando cerca de 580.000 pesquisas. De acordo com o estudo, o final do ano é o período em que a venda de headsets VR cresce – e com ela a busca por conteúdo +18 imersivo. Os envios de headsets VR cresceram 92% ano a ano em 2021.

Houve mais de 1,2 milhão de pesquisas pelo termo “VR Porn” em dezembro de 2016. (Shutterstock)Fonte:  Shutterstock 

De acordo com o Bankless Times, “Desde 2016, quando o headset Oculus foi lançado pela primeira vez, as pesquisas por ‘VR Porn’ aumentam todo mês de dezembro”. No Natal de 2021, por exemplo, as instalações do aplicativo Oculus aumentaram 150%.

A International Data Corporation (IDC) prevê que o valor de mercado de VR e AR (Realidade Aumentada) atinja EUR € 15,5 bilhões até o final de 2022. A participação de mercado dos fones VR deve ultrapassar US$ 34 milhões até 2024, e um relatório da Digital Adult Content prevê que o mercado de conteúdo adulto VR aumentará de US$ 716 milhões em 2021 para US$ 19 bilhões até 2026.

Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DO MÊS