Siga-nos nas Redes Sociais


Política

Apoiode Zema a Bolsonaro gera desconfiança em bolsonaristas

Publicado

dia:

Apoio
de Zema a Bolsonaro gera desconfiança em bolsonaristas

Reprodução/Instagram – 04.10.2022

Zema ao lado de Bolsonaro

Nesta terça-feira (4), o governador reeleito Romeu Zema
(Novo) anunciou seu apoio ao presidente Jair Bolsonaro
(PL),
mas não gerou contentamento em todos os bolsonaristas que fazem parte do governo federal. Aliados do chefe do executivo federal desconfiam da “boa ação” do mandatário mineiro.

Na opinião de uma ala que apoia Bolsonaro, Zema não é um bolsonarista convicto e age apenas por conveniência. A maior reclamação é que o governador não quis apoiar o presidente no primeiro turno porque as pesquisas indicavam uma alta popularidade de Lula na região.

“Pensou na própria campanha. Veio com aquele discurso que o candidato dele era o Felipe D’Ávila, mas em 2018 não pensou no partido dele e logo colou no presidente. Esse ano ficou com medo da popularidade do Lula eleger o Kalil. Agora ficou fácil estar ao nosso lado”, fala um dos aliados do chefe do executivo federal.

O grande ponto é que Zema foi reeleito e não precisa eleitoralmente de Bolsonaro, diferente do presidente, que tenta crescer em Minas e quer usar a imagem do governador para vencer Lula no estado.

“Ele não precisa agora do Bolsonaro, mas vai precisar em 2026. Você acha mesmo que o Zema seguirá no Novo? Você acha mesmo que, sem poder disputar uma nova eleição em Minas daqui quatro anos, ele vai voltar a cuidar das empresas dele? É óbvio que o Zema trabalhará para ser o sucessor do presidente”, opina outro aliado de Bolsonaro.

Ordem é elogiar Zema

Apesar da desconfiança, a ordem é não praticar nenhum ataque contra o governador. Na avaliação dos bolsonaristas, vencer Lula no estado é muito difícil, mas a distância pode ser bem menor do que se previa no começo das eleições 2022. “Se terminar 53% a 47%, estamos no lucro. A gente tira essa diferença em São Paulo e no Rio de Janeiro”, aposta um dos coordenadores da campanha do presidente.

A ala mais política do chefe do executivo federal quer que os bolsonaristas elogiem Zema nas redes sociais. Também foi pedido para que Nikolas Ferreira (PL) faça campanha junto com o presidente para conquistar os eleitores mineiros mais jovens.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram
e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. Siga também o  perfil geral do Portal iG.

Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE

AS MAIS LIDAS DA SEMANA