Siga-nos nas Redes Sociais


Saúde

5 motivos para você começar a pedalar

Publicado

dia:

5 motivos para você começar a pedalar


Redação EdiCase

Mulheres ciclistas: 5 motivos para você começar a pedalar

É comum, atualmente, encontrar mulheres que não gostam muito de ir à academia e que não possuem tempo de fazer essa ou outras atividades físicas. Entretanto, pensando na importância de praticar exercícios regularmente, uma boa saída para isso, que pode ser tão eficiente quanto passar algumas horas na academia por semana, é praticar ciclismo.

Publicidade

Andar de bicicleta ajuda as pessoas a alcançarem o bem-estar e a saúde. Pedalar é um esporte muito acessível e não precisa ser encarado como “a hora da atividade física”. Ele pode apenas ser incluído na rotina do dia a dia, em momentos como uma ida ao supermercado ou mesmo ao trabalho (evitando estresse de pegar um trânsito muito movimentado), um passeio no parque e até na praia.

A mulher ciclista pode contar com benefícios como perda de peso, redução de estresse e melhora do condicionamento físico. Abaixo, vou trazer alguns benefícios bem interessantes àquelas que pensam em começar a pedalar.

1. Melhora a respiração

Ajuda a fortalecer o coração e a aumentar a frequência cardíaca; também ocorre uma melhora na maneira de respirar.

Publicidade

2. Fortalece a musculatura

A atividade é ótima para mulheres que querem fortalecer pernas, glúteos e coxas.

3. Estimula o condicionamento físico

As mulheres que pedalam têm uma maior estimulação da circulação sanguínea; também são reduzidas as chances de desenvolver problemas cardíacos.

4. Contribui para a perda de peso

Mulheres que estão acima do peso médio também podem se beneficiar do ciclismo, já que o exercício não força nem produz estresse nas articulações, diminuindo o risco de causar maiores danos no futuro.

Publicidade

5. Melhora o bem-estar

Você já deve ter lido ou ouvido em algum lugar que praticar atividades físicas ajuda a tratar a depressão, certo? Andar de bicicleta é uma das melhores alternativas para esse propósito. Isso se dá porque a atividade ajuda a liberar a endorfina (hormônio relacionado ao bem-estar, à felicidade e ao bom humor) e não prejudica seu corpo, por ser um exercício leve e prazeroso.

Texto originalmente publicado na Revista Bicicleta (Edição 126)

Por Ana Luísa Marçal

Publicidade

É fisioterapeuta (Crefito: 127346-F) e atua como Diretora Clínica da Unidade de Guarulhos, do Instituto Pilates. A profissional possui formação em pilates solo e aparelhos para patologias da coluna e estabilização segmentar vertebral, além de especialização em Fisioterapia Neurofuncional pela Irmandade Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

Siga o portal Grajaú News no Google Notícias e no Canal do Telegram.

#grajaunews @grajaunews #grajau #saopaulo

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Siga-nos no Facebook

LEITORES ONLINE